Quando na sua pele molhada - trecho


.

Quando na sua pele molhada
A minha, ligeiramente, toca
Você inocente, não sabe de nada
O quanto a sua boca aveludada
Em sonho os íntimos desejos provoca.



Nenhum comentário:

Postar um comentário